Vigiar e Orar

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

hilarion
 A Conquista da Liberdade

Irmãos amados:

Por todos os lados e de todas as bocas se ouve: "Eu quero a liberdade! Liberdade de ir e vir aonde deseje, liberdade de falar o que quiser, liberdade de agir, liberdade para fazer o que me ditarem o raciocínio e a vontade, liberdade para me divertir como e quando o desejar!"

Clama-se, apenas, pela liberdade material, física, pois os motivos manifestados expressam somente a faceta animal do ser humano. Usa-se a liberdade até para prejudicar, fazer os maiores males e ainda para tirar a vida de seus irmãos.

No entanto, Meus irmãos, a verdadeira liberdade não é a que brota das contingências da vida mundana e nem das que ditam as riquezas, glórias ou honras do proceder humano. Ela é muito mais estável e gratificante e, uma vez adquirida, vai pautar as ações humanas de maneira a  tê-las mais  condizentes com a diretriz traçada por Nosso Divino, tornando os homens mais felizes e sem culpas.

Ser livre é deixar de ser escravo dos corpos inferiores que o homem possui, de suas demandas oriundas da parte animal que existe em todos. É viver uma vida com os pés plantados no chão, porém. com a alma erguida para os ditames Divinos, de modo que as ações, pensamentos e sentimentos não possam ser contaminados pela animalidade de conduta que leva ao acúmulo de resgates.

Para se ser livre tem-se que, primeiramente, meditar, vigiar e orar antes de se tomar qualquer atitude, para certificar de que não se está agindo movido por motivos menos dignos e em prejuízo da vida em geral.

A liberdade da alma se faz pela aceitação e conscientização de que todos são filhos de Deus, portanto, têm Pai, a herança de tudo que é puro e sendo o ser humano a imagem e semelhança de Deus, logicamente, é ele Deus em potencial.

Todos os seres humanos herdam do Pai dotes que são inerentes a Ele mas, esquecidos dessa Origem Divina, entregam-se com muito maior facilidade ao seu lado não divino, material, grosseiro que possuem. Assim cada vez mais, avoluma-se o acervo dos erros e infrações no decorrer de incontáveis reencarnações.

Pensem, façam uma pausa e meditem sobre o assunto. Que Deus, Nosso Pai, ilumine a todos.

O Irmão e Amigo que muito os ama

HILARION

0 comentários:

Enviar um comentário

 
*AO ENCONTRO DA ALMA* | by TNB ©2010