Ativação Inicial do ADN - Parte II

sexta-feira, 5 de junho de 2009

ADN

 Ensinamento Começa...

Tem havido questões vindas daqueles que freqüentam canalizações como esta, pois eles perguntam ao meu sócio, “Do que se trata tudo isto sobre o DNA? Por que Kryon sempre fala sobre DNA? Por que ele não fala sobre coisas angelicais e esotéricas? Por que ele não dos diz para que viemos para cá? Mas, ao contrário ele apenas quer falar sobre química.” Se você é um dos que diz isto, meu querido, ainda não compreendeu a grande questão que foi revelada: dentro de sua estrutura celular estão as ferramentas de mestria e elas não são invisíveis. Elas são parte da estrutura celular, que está sendo estudada de uma forma totalmente diferente pela ciência hoje. Os segredos espirituais estão no DNA! Os conjuntos de instruções para a mestria estão no DNA! Portanto, um estudo esotérico de seu DNA torna-se um estudo de mestria, do Deus interior e uma entrada para tudo o que é. 

Vocês têm centenas de trilhões de cópias da hélice dupla em seu corpo e eu dei a vocês os nomes das energias dentro delas. Agora falaremos sobre algumas específicas, um grupo delas. No entanto, antes de falarmos sobre os detalhes precisaremos uma vez mais dar a vocês alguns dos cenários que precisam compreender.
 

Os seres humanos querem listas! Vocês desejam compartimentalizar tudo de forma que possam linearizar em sua mente, como as coisas funcionam. Ajuda vocês a aprender, já que todos vocês estão acostumados com o pensamento linear. Vocês também estão acostumados a propósitos singulares e funções mecânicas e químicas. Até mesmo as funções químicas mais complexas funcionam da mesma forma o tempo todo. Vocês descobrem o que faz o que, depois aplicam isto a uma lista de atributos que ocorrem em uma certa ordem ao longo do tempo. Eventualmente vocês se tornam os químicos que conhecem estes processos lineares.

O ADN quântico não funciona de forma linear. Portanto, vocês não podem compartimentá-lo em suas funções. Aqui está o que quero dizer: Dentro das máquinas mais complexas neste planeta, que podem ter dezenas de milhares de partes, as partes sempre fazem as mesmas coisas. Vocês podem ter algo milhares de vezes mais complexo do que um bom relógio, mas as molas e engrenagens são sempre molas e engrenagens. Elas fazem as mesmas coisas, uma vez após a outra, de uma forma complexa.

Seus aparelhos eletrônicos mais sofisticados fazem o mesmo. Eles oferecem milhões de processos idênticos, repetidamente, e os caminhos do elétron sempre fazem o mesmo chaveamento... um processo singular feito de forma rápida com complexidade linear. Não o DNA. Ele não é uma máquina. Vocês precisam começar a pensar no DNA como sendo total e completamente interativo consigo mesmo. Quando uma parte muda, a parte próxima a ela muda também. Não se pode, portanto, identificar um propósito singular de partes específicas do DNA, fazendo sempre a mesma coisa. Pense naquele complexo relógio do qual falamos. E se ele fosse interdimensional, e a mola pudesse de repente tornar-se uma engrenagen, e a engrenagem pudesse mudar sua forma e tamanho se necessário? Pense nisto – uma parte que não é mais necessária simplesmente desaparece e se algo que não está lá for necessário, ele aparece! Isto seria, realmente, complexo, não é? Além disso, este relógio quântico decide por conta própria mudar a estrutura de tempo com a qual foi projetado para trabalhar. Estranho? Este é o DNA quântico.

Há algum tempo nós demos a explicação sobre as 12 camadas do DNA de uma forma acadêmica. No entanto, nós fomos cuidadosos em não dizer a vocês o que elas fazem o tempo todo. Nós apenas lhes demos o seu propósito e sua energia, ou seus atributos de armazenagem. Vocês verão isto em um insntante. Mas, enquanto trabalham juntas, cada uma muda; isto quer dizer que elas mudam dependendo do que a outra fizer. Portanto, poderíamos dizer que temos um motor onde todas as partes continuam a mudar e a se transformar dependendo do que o motor necessita. É complexo e quântico.

Em um estado quântico não há tempo. Em um estado quântico, na verdade não existe um lugar onde as coisas estão. A mecânica quântica diz que qualquer matéria, se quiserem chamá-la assim, ou qualquer energia, se quiserem chamá-la assim, está junta em toda parte, como uma coisa só. Imagine algo tão complexo! Agora imaginem que isto é multiplicado centenas de milhões de vezes em seu corpo.

Há algo mais. Mesmo antes de começarmos a listar estas partes, que são o novo conjunto de ferramentas, há algo mais.

[Pausa]

O motivo pelo qual meu sócio está hesitando é porque eu estou mostrando para ele e não há palavras para isto. Não há ciência, ainda. É novo para ele. Para que o DNA funcione apropriadamente, para que faça todas as coisas sobre as quais falamos de forma esotérica e quântica, 300 trilhões de partes do DNA precisam todas saber de algo ao mesmo tempo! Precisa haver uma comunicação no DNA microscópico da unha de seu dedão do pé ao mesmo tempo que no DNA do mais longo fio de cabelo de sua cabeça. Ambos precisam saber sobre isto instantâneamente. Então, aqueles trilhões de partes precisam concordar, precisam ter uma absorção energética de consciência. Tudo isto precisa acontecer em um construto 3D – isto é, em sua realidade. Não existe uma palavra na ciência para este processo a menos que considerem o termo criado para a descrição dos fótons chamado “entanglement” (entrelaçamento).

Há, no entanto uma “confluência de energia.” Confluência significa na verdade uma fusão de energias, de forma que se tornam algo mais, uma unidade. A ciência não vê isto dentro do DNA ainda, mas em algum nível eles sabem que precisa existir. Pois de que outra forma o corpo humano poderia fazer o que faz?


0 comentários:

Enviar um comentário

 
*AO ENCONTRO DA ALMA* | by TNB ©2010